23 de maio de 2011

As pessoas de sucesso sempre tem um sonho


O título deste artigo já diz quase tudo: as pessoas de sucesso sempre tem um sonho! Já pensou sobre isso? Afinal, quais são seus sonhos? Há quanto tempo já abandonou algum sonho que era importante?

Bem, os sonhos são o ponto de partida para o sucesso. Tudo começa com os sonhos. O filósofo Nietsche disse: "nada lhe pertence mais do que seus sonhos". Sendo assim, eu complemento: sonhar não custa nada e faz bem a saúde!

O ser humano é um sonhador. Ao analisarmos tudo o que possuímos hoje em dia - as facilidades do cotidiano - foram sonhos de algumas pessoas de sucesso. Os meios de transporte, de comunicação, a internet, o Facebook e assim por diante. Tudo certamente partiu de um sonho que, em alguns casos, foi ridicularizado por outros ou não se seu importância. O fato é que alguns sonhos realmente não tinham o menor sentido e não vingaram.

Porém, outros que não foram deixados de lado, simplesmente estão incorporados em nossas vidas. Quem hoje em dia pensa em viver sem energia elétrica? Nas cidades isso é improvável. OK, vamos falar de sonhos mais simples.

Sabe aquele sonho que você tinha de criança? Aquele de ser uma pessoa importante, influente, bem sucedida? Como está hoje? Você atingiu o que queria? Chegou onde pensava? Está caminhando para isso? Mudou, ajustou ou adaptou o sonho? Ou simplesmente deixou de lado, afinal as dificuldades da vida falaram mais alto?

Sonhar simplesmente não leva ninguém a lugar nenhum. 

É preciso mais do que isso. Certamente os sonhos são a base para o que queremos ser ou onde pretendemos chegar, por exemplo. Porém, sonhar e não fazer nada é pior que não sonhar. É fundamental sair do plano das idéias e transformar em realidade. Até os poetas que sempre foram considerados como símbolo de sonhadores precisam de atitude para que seus poemas sejam publicados.

Planejamento e determinação são essenciais para quem quer transformar seus sonhos em ações ou resultados. Faz-se necessário estabelecer planos, metas, critérios e formas para acompanhar a evolução do sonho. Isso pode ser feito em um papel, computador ou qualquer outro recurso que possibilite tornar a ideia em algo visual e não somente mental.

Na jornada para a realização do sonho outro fator fundamental é a determinação. Sem ela o sonho transforma-se em frustração muito rápido. As dificuldades surgirão e pessoas para desmotivar você também. Em outros momentos o desânimo poderá ser só seu. Contudo, quando se tem convicção - ou determinação - os empecilhos podem se tornar estímulo para continuar a jornada. Celebrar a realização de partes do seu sonho ou sua totalidade ajudará a fortalecer a conquista de seus objetivos. A auto-premiação é um fator de "recarga".

Partilhar os sonhos com pessoas próximas é outra estratégia que pode ajudar na concretização do mesmo. Principalmente se seu sonho envolve estas pessoas. Por exemplo a compra de uma casa, o matrimônio, um filho, uma viagem, uma mudança na carreira etc. Dividir seus sonhos com quem convive é uma estratégia para seguir com a pessoa querida rumo ao sucesso. Muitas vezes um pode estimula o outro e assim tornar a caminhada mais atrativa e realizadora. Apenas cuide para fazer isso com pessoas que efetivamente confia.

Deixo aqui uma lição de casa para você: escreva, preferencialmente em uma folha de papel, dois ou três sonhos grandes. Sonhos grandes são aqueles que exigem maior esforço, recursos, tempo e/ou tudo isso junto. Seja ambicioso, pois isso estimula nossa motivação. Divida estes sonhos grandes em partes, ou pequenos sonhos. Os sonhos menores serão o combustível para você se manter ativo e buscando alcançar os sonhos maiores. Crie estratégias para realizá-los. Compartilhe com alguém de confiança. Celebre cada conquista que ocorrer no decorrer do processo.

Caso queira compartilhar comigo envie uma mensagem e depois vá me informando sobre seu progresso. Terei muito prazer em saber e poder parabenizar ao final da jornada. Um grande abraço e muito sucesso!

Rogerio Martins é Psicólogo, Palestrante, Escritor e Professor Universitário.

Gostou deste artigo? Leia também:
Elogio e crítica
  - É preciso ter equilíbrio
    - Networking - construa sua rede de contatos

Cadastre-se no Boletim